LUTO
Morre o radialista Jimy Raw
03/06/2020 - quarta-feira
FOTO: reprodução internet
O radialista e comunicador Germano Raw Neto, o Jimy Raw, de 58 anos, faleceu na noite desta terça-feira (2). Segundo a família, foi vítima da Covid-19.

Ele foi internado no início de maio. Por volta do dia 20, ele recebeu alta e começou sua recuperação em casa. Mas no último final de semana, precisou voltar a ser internado no Hospital Ronaldo Gazolla, em Acari, na zona norte do RJ, onde veio a falecer na noite desta terça-feira, dia 2 de junho.


HISTÓRIA NO RÁDIO

Jimy Raw começou como contato comercial na cidade do Rio de Janeiro. Mudou-se em 1982, para o estado do Paraná, atendendo ao convite do jornalista Ari Soares para integrar a equipe de produtores e apresentadores do programa "Na Boca do Povo" nas tardes da TV OM, então afiliada da Bandeirantes, atual CNT.

Foi em Curitiba (PR) que começou sua vitoriosa carreira no rádio, na FM 104. Trabalhou na Antena 1 e depois no Sistema Globo de Rádio, pela 98 FM e atuando também na TV apresentando os programas Bike Show e Schock na Rede Manchete. Apresentou também diversos eventos televisivos como Carnaval e o Globo de Ouro, na TV Globo.

Entre 2006 a 2016 apresentou o Baú da Tupi na Super Rádio Tupi do Rio de Janeiro, aos domingos da 00:00 às 03:00. O radialista participava também do canal A Turma do Rádio, no Youtube. Com certeza, marcou época e fez história. Sempre querido por todos os colegas e pelo público, Jimy Raw passava alegria ao se comunicar.

Os nossos mais sinceros sentimentos à toda família.


FONTE: Gazeta do Rio
Coletânea de vários trabalhos profissionais do comunicador Jimy Raw.
#Compartilhe: